domingo, 16 de novembro de 2008

Jogatina: o retorno e novo jogo: Fronteira

Fala aew cambada!

Pois é seus fãs da Márcia Imperator, retornamos à jogatina depois de algumas semanas no ócio - e diga-se de passagem que nosso ócio é fazer essas coisas que fazemos quando não estamos jogando: comer, beber, dormir, transar e trabalhar.

Depois de um pequeno mal entendido nos telefonemas - já que não acharam este nobre membro do Clã que vos escreve - resolvi eu mesmo passar na casa do nobre El Primoroso para ver se ia ou não rolar a jogatina. E por fim rolou. Religamos para os cabras e todos, com exceção de El Rabugento, que mais uma vez furou - sugiro trocar seu nome para El Furón - fomos à casa de El Gringo, para a jogatina, levados pelo El Primoroso e seu veículo, El Dirigível!

Jogo novo à mesa cambada: Jogo da Fronteira.

É um jogo da Estrela - pessoal da estrela que ler nosso blog, temos alguns jogos para vocês lançarem rsrrss - permitido para pessoas à partir dos 09 anos (detalhe), mas ele é bem legal. É um jogo de blefe e negociação. Uma mistura de Cash'n Gun com Pôker. É para se dar risadas.

Os jogadores são turistas que precisam atravessar uma fronteira imaginária carregando alguns produtos na mala. Três deles são produtos legalizados (banana, pandeiro e camisa) e os outros três são ilegais (Cigarro, jogos e bebidas). Os jogadores escolhem seus personagens e começa a partida. Eles avisam que tipo de produto está passando. Você pode pôr três iguais ou três diferentes, mas, dai que vem o interessante: há na mesa um guarda, responsável por revistar dois jogadores à sua escolha. Cada rodada, um é o guarda e o jogo é dividido em dois turnos, que seriam dois meses - para quem não entendeu isso é assim: temos, por exemplo, seis jogadores. Começa a partida no jogador 1 - quando chegar no jogador 6, fecha-se um mês, contam-se as mercadorias e recebe-se grana por isso. Dai, volta pro jogador 1 e começa um novo mês - entendeu filhote de cruz-credo?

Bom cabra, dai o guarda pede para ver as mercadorias de dois personagens. Temos então dois casos, por exemplo: um jogador passa produtos legalizados e o outro ilegais. O jogador que está mandando produtos legalizados anuncia que tipo de proe é revistado pelo guarda, recebe indenização e passa suas mercadorias (guarda para a somatória de dinheiro), mas, se o mané tiver com produtos diferentes, ele só fica com aquele que ele avisou, os outros são descartados. Já se o cabra tiver produtos ilegais, ele pode tentar subornar o guarda, ou convencê-lo de que os produtos do vizinho contém mercadorias ilegais - dai é por conta do guarda mudar.

Nessa barganha toda que está agraça do jogo: começa a discussão para ver tentar convencer o guarda de que você está com produtos legalizados.

Neste link - http://www.ludomania.com.br/nossos_jogos/Fronteira/jogo_da_fronteira.htm - o pessoal da Ludomania também postou algo relacionado ao jogo.

Bom, eu particularmente achei bem interessante esse jogo. Passa alguns momentos de risadas e você treina seu blefe e suas articulações políticas.

Vitória para El Primoso, seguido por El Frigido, El Gringo, El Liso, El Chiquitito e El Ávaro - este último fez jus ao seu nome, e foi o primeiro guarda a se corromper pelo suborno.

Depois dessa estréia no Clã, fomos para três partidas de Bang. Como sempre, partidas bem equilibradas e bala comendo pra todo lado, discussões em relação à jogadas, dúvidas sobre as cartas (em breve respondidas por Slab The Killer - em férias no Taiti).

Na primeira, vitória absoluta e cruel para mim, el Chiquitito, e para Bruno, el Liso, com direito à dança russa - xerife e vice. Na outra partida, vitória para os Fora-da-Lei, Avaro, Primoroso e Liso, e na última, vitória para os também Fora-da-Lei Chiquitito, Gringo e Liso.

MOMENTOS DO JOGO
CANÇÃO: Bruno, el Liso, cantando "Eu sou chifrudo" - clássico do Tiririca, e a galera em coro cantando "Abre o Coração" - sei lá de quem é essa pérola!
CAFÉ COM LEITE: Mainha, el Gringo, pode retornar uma jogada alegando seu daltonismo.
VALIDAÇÃO DO NOME: Maurício, el Avaro, o primeiro corrupto do jogo.

PONTUAÇÃO DA NOITADA:
Jorge, el Chiquito - 36
Kinho, el Primoroso - 15
Bruno, el Liso - 24 (hmmmmm)
Maurício, el Avaro - 14
Teta, el Frigido - 12
Mainha, el Gringo - 18

RANKING
El Primoroso - 193 pontos
El Gringo - 146 pontos
El Chiquitito - 146 pontos
El Liso - 124 pontos
El Avaro - 102 pontos
El Frígido - 79 pontos
El Reganon - 66 pontos (manteve a pontuação anterior)

Fiquemos assim então cambada. Até mais ver. Tchau.

Jorge, el Chiquitito, que escreve torto por linhas retas e acredita na depilação das afegãs.

3 comentários:

Kinho, El Primoroso disse...

Gostei do relato! huauhah

Muito bem observada a pontuação do nosso amigo Liso...

Espero ansiosamente pelo retorno do Slab para responder nossas dúvidas.

Jorge Cardoso disse...

Empate entre eu e Mainha... Kinho, tá sentindo a fungada nas costas hein?

hauhuauaa

Maurício disse...

El Avaro, depois da epidemia, volta revigoroso, entretanto, passou muita banana e pandeiro (mercadorias legais), mas nos proximos jogos será o maior contrabandista de bebida (El Poderoso).
Boas observações jorge, eu estou fungando também nas tuas costas.

Sign. El Avaro.